Casa de banho e humidade – alguma dica?

Claro que sim! Não desespere! Já sabemos que a casa de banho é uma das assoalhadas mais “assombrada” pela humidade, a par da cozinha. Com efeito, é nestes espaços que produzimos mais vapor, quer seja a tomar banho, a cozinhar, a secar roupa… Uma série de tarefas diárias que, sem uma boa ventilação, podem fazer disparar os níveis corretos de humidade.

O ventilador de casa de banho é uma boa opção?

Se o seu caso não for de proporções “drásticas” é justamente por aí que deve começar! Deve comprar um ventilador de casa de banho! Este é um equipamento elétrico, discreto e de fácil instalação, que vai permitir arejar e ventilar a sua casa de banho. Ao libertar o ar para o exterior, a condensação é evitada. É nesta sequência que vai sentir o bolor e os maus odores diminuírem. Por outro lado, as paredes, tetos e juntas ficarão em bom estado por mais tempo.

E aqui fica uma dica: se for remodelar a sua casa de banho, pense em ter uma janela. Uma janela na casa de banho é uma excelente fonte de ventilação, para além de que a luminosidade natural é muito mais saudável. A janela e o ventilador de casa de banho será uma combinação perfeita!

Tipos de ventiladores de casa de banho

Nesta categoria de equipamentos de ventilação podemos enumerar dois tipos de ventiladores: os axiais e os centrífugos.

Os ventiladores axiais posicionam-se no teto e adequam-se a instalações de condutas reduzidas. Ainda dentro deste tipo, destacamos os ventiladores helicoidais, os quais se instalam nas janelas ou paredes exteriores sem condutas de evacuação.

Os ventiladores centrífugos são mais potentes, adaptam-se a instalações em que as condutas de evacuação são mais longas (até 50m).

Em qualquer um dos casos, o ventilador de casa de banho pode ser ativado de modo manual (através de um interruptor), por deteção de presença (quando alguém entra no espaço), pelo nível da humidade (liga-se automaticamente quando o ambiente atinge um nível de humidade elevado) e por temporizador (desliga-se ao fim do tempo necessário para circular e renovar o ar).  

Qual a potência adequada?

A potência deste tipo de equipamento pode variar entre os 8 e aos 35 W, em função do seu tamanho, do caudal que absorve e do local de instalação (se a saída estiver perto ou longe). 
Tenha em linha de conta que os motores com maior potência vão, certamente, atingir níveis de ruído mais altos, acima dos 40 decibéis. Já agora, por que não consulta a nossa tabela de decibéis online, para se aperceber melhor do que estamos a falar?

Mais outra dica: não instale o ventilador acima da banheira ou do duche, a não ser que seja a uma distância superior a 2,25 m de altura. Estamos a falar de um aparelho elétrico!

Sabia que a Megaclima é perita em ventilação? E não só de aplicação doméstica! Ligue-nos para o número 219 253 300 ou envie-nos um email para geral@megaclima.pt . Nós contamos-lhe tudo!

Compartilhe o nosso artigo
Follow by Email
Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn