Como funciona o ar condicionado industrial?

Quando falamos de ar condicionado industrial, pensamos em grandes infraestruturas e espaços que requerem uma grande potência de climatização. O que está em causa é conseguir as melhores soluções que lhe permitirão ter um conforto térmico, com o controlo exato dos valores de humidade e de temperatura. E, atenção, não se trata apenas de ter em conta os espaços e ambientes, há que considerar produtos, matérias-primas e maquinaria, sem esquecer, claro, as condições de trabalho dos empregados.

Sistema VRV – VRF

Em tradução livre, “Volume de Gás Refrigerante Variável” (do inglês “Variable Refrigerant Flow”), este é o sistema que permite ter um controlo independente de cada unidade interior. É um sistema multi-split mas de elevada potência, com uma unidade condensadora (exterior) muito robusta que pode ser ligada a diversas unidades interiores de uma forma independente, podendo chegar a 64 máquinas. Este sistema surgiu pela primeira vez no Japão, em 1982, e globalmente, a sua utilização é cada vez mais comum. Depois de descrevermos este sistema de ar condicionado industrial, como funciona mais em detalhe este equipamento?

Ar condicionado industrial – como funciona?

Tal como escrevemos acima, no sistema VRV, o ar condicionado industrial é composto por uma unidade exterior que comunica com diferentes equipamentos interiores. A unidade exterior envia o gás refrigerante, na versão quente ou frio, através de tubagem de cobre, para as unidades interiores. O sistema VRV alimenta-se de energia elétrica trifásica. Cada ambiente é climatizado de forma independente e possui controlo próprio. Mas todos os ambientes podem ser climatizados em simultâneo. O objetivo é sempre conseguir conforto e eficiência energética.

VRV Inverter

À semelhança dos ares condicionados domésticos, a Tecnologia Inverter assume o protagonismo no contexto industrial. Alta eficiência com utilização inteligente é a máxima. A carga de frio ou calor é dada de modo constante, sem picos, ajustando-se gradualmente e diminuindo o esforço do compressor, sem grandes oscilações de temperatura.

Climatização industrial

Descurar a climatização industrial é um erro crasso. Deve haver uma escolha criteriosa, já que os efeitos desta climatização vão refletir-se diretamente na qualidade do produto final e na produtividade do pessoal. O sistema eleito deve acompanhar uma série de vantagens, como seja o controlo de humidade e a oxigenação do local.

Tendo em vista a versatilidade e todas as vantagens que um bom sistema de climatização traz, é importante ter em mente que a escolha da empresa fornecedora deste tipo de equipamento deve ser algo bem pensado. 

Está na Indústria automóvel, de plásticos, metal, mecânica ou alimentícia? A Megaclima pode ser a sua aliada! Melhore o seu ambiente de trabalho, escolhendo uma empresa de confiança e com resultados de qualidade! Ligue-nos para o número 219 253 300 ou envie-nos um email para geral@megaclima.pt .

Compartilhe o nosso artigo
Follow by Email
Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn