Desumidificador: o que é e para que serve?

O desumidificador é um aparelho que controla a humidade do ambiente, evitando a corrosão, a ferrugem e as paredes húmidas. Sempre que a humidade relativa do ar sobe acima dos 60%, é conveniente utilizar um desumidificador. Quando a humidade está muito alta (próxima dos 90%), existe o risco da formação de bolor e da propagação de bactérias. Nestes casos, a humidade produzida nos banhos, na cozinha, pelas plantas e até pelas pessoas não é eliminada. É, por isso, necessário recorrer a um desumidificador. Este aparelho, além de eliminar a humidade em excesso, conserva quadros, peles, roupas, documentos, aparelhos de som, equipamento fotográfico, instrumentos de precisão, móveis e uma infinidade de outros objetos, protegendo-os contra danos. Isto significa que um desumidificador é responsável pelo bem-estar e conforto no lar, ao proporcionar um ambiente equilibrado, livre de características indesejadas, como bolor, mofo e fungos, entre outros.

Taxa de humidade relativa

A taxa de humidade representa a quantidade de água existente no ar. Se for entre 35% e 40%, o ar está seco. Se estiver acima dos 70%, o ar está húmido, prejudicando a saúde, os equipamentos e os materiais. Quando a humidade não está a níveis satisfatórios, há lugar à formação de mofo e fungos e maior probabilidade de aparecimento de organismos microscópicos – ácaros -, que afetam diretamente a saúde. O modo ideal para acabar com esses organismos – ácaros, mofo, fungos – é evitar o seu desenvolvimento, mantendo a humidade relativa a níveis de 40% a 60%. Estes valores representam as condições ideais de humidade relativa do ar. A taxa de humidade relativa (% HR) representa a quantidade de vapor de água existente no ar e é medida através de um higrómetro. Saiba mais em www.megaclima.pt

Compartilhe o nosso artigo
Follow by Email
Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn